18 of junho de 2012

Como funciona a segmentação por geolocalização?

Anunciantes, Produtos, Self-Service Postado por

A segmentação por geolocalização é um dos recursos disponíveis no self-service. Se você já viu esse recurso, provavelmente deve ter se perguntado: “como a boo-box consegue localizar o público?”. É isso que vamos explicar nesse post.

O que é e por que usar a geolocalização?

A segmentação por geolocalização é um dos recursos disponíveis para as campanhas de self-service. Com ela, você pode configurar sua campanha para que seja exibida apenas para pessoas localizadas em determinada(s) cidade(s) ou estado. Para isto, basta selecionar um estado, caso você queira uma campanha estadual, ou selecionar um estado e uma ou mais cidades, caso queira uma campanha municipal ou regional.

Esse recurso é muito útil para quem tem um negócio com abragência local, assim você atinge apenas pessoas que estejam perto da sua empresa, otimizando seu investimento. Então, lembre-se de utilizar esse benefício nas suas próximas campanhas de self-service e apareça pra quem realmente lhe interessa. Vale lembrar que se você combinar a geolocalização à segmentação por temas de interesse e palavras-chave adequadas à sua área de atuação, você terá resultados ainda melhores.

Mas como a boo-box identifica a geolocalização do público?

Todos os dispositivos com acesso à internet possuem um endereço de IP (Internet Protocol), que é uma identificação numérica atribuída aos dispositivos dentro de uma rede de computadores. Cada endereço IP é único e segue um padrão de acordo com sua distribuição geográfica. Com base apenas nessa identificação, podemos obter uma série de informações que nos ajudam a identificar onde as pessoas estão acessando à internet.

Nossa tecnologia identifica quando uma pessoa com as características que você escolheu acessa um dos sites da rede boo-box e decide se deve ou não exibir o seu banner. Esta “leitura” é feita, dentre outras coisas, por meio dos cookies, que são o histórico de navegação, e do endereço IP, que explicamos acima.

Além de possibilitar uma navegação mais agradável a todos os usuários de internet, que verão apenas anúncios que tenham a ver com seu perfil e localização, a segmentação ajuda os anunciantes a concentrarem melhor os seus esforços apenas nas pessoas que terão mais interesse pelos seus produtos e serviços.

Um restaurante localizado na cidade de São Paulo, por exemplo, verá sua verba bem aplicada apenas se falar com habitantes da cidade, e não com todo o estado ou país, como acontece com a maioria dos veículos de comunicação que, por isso, acabam saindo muito caros e tornam-se inacessíveis e ineficazes para muitos anunciantes.

Utilize mais esse recurso da boo-box em suas campanhas de self-service. Anuncie agora e conte com os benefícios da geolocalização!