boo! 42 Milhões de Page Views

No mês de agosto, a boo-box atingiu um número significativo de publishers em sua rede. Os 5.000 publishers cadastrados e a média de 42 MM de Pages Views mensais são motivos de comemoração para todos nós.

Answer_to_Life

Os grandes responsáveis por termos alcançado esses números são vocês, que realmente acreditam no que esculpimos nesses dois anos: um serviço que busca em todas as frentes satisfazer sempre a vontade dos nossos publishers, trazendo os melhores resultados possíveis para cada um.

Você pôde presenciar conosco outras grandes vitórias durante esse ano, desde o lançamento do nosso Sistema de Publicidade para Mídias Sociais à veiculação da primeira campanha da Almap BBDO (72 Leões no Festival de Cannes) em Mídias Sociais, que com certeza será apenas a primeira de muitas.

crescimento

Os desafios para a boo-box estão apenas começando e contamos com vocês para continuarmos crescendo, sem nos afastarmos da nossa proposta inicial que é estar lado a lado com os publishers sempre ;)

Vamo que vamo!

Comments (1)

boo-box – Fazendo do conteúdo uma oportunidade e da publicidade um serviço

O fortalecimento dos mercados de nicho em relação aos hits e blockbusters se tornou um fato bastante popular dentro do mercado de publicidade online, principalmente devido ao sucesso do livro “A Cauda Longa” de Chris Anderson, publicado em 2006.

Em linhas gerais Chris Anderson analisa dados estatísticos que comprovam uma mudança na distribuição das vendas online, que começaram a migrar dos grandes blockbusters para produtos mais segmentados.

Essa diversificação no consumo tem como principal causa a oferta de um maior número de produtos pelos e-commerces, que graças às suas prateleiras “infinitas” puderam oferecer um leque de opções muito mais amplo ao consusmidor.

O consumidor passou a ter a  liberdade de escolher produtos cada vez menos massificados, que atendessem ao seus gostos individuais.

long_tail_graph_base

Esse fenômeno tem impactado não só o consumo de produtos ou serviços, mas principalmente o consumo de mídia. Graças às ferramentas de produção de conteúdo cada vez mais acessíveis e o fenômeno do “user generated content”, a oferta de conteúdo online cresce vertiginosamente e a audiência online tem a possibilidade de escolher as informações e os canais de mídia que irá acompanhar conforme suas demanadas pessoais.

“O número de brasileiros que acessam blogs cresceu a uma taxa superior a da expansão da internet em 2008, de acordo com dados do Ibope/Netratings. Em dezembro de 2008, 11,6 milhões de pessoas acessaram blogs contra 9,5 milhões de brasileiros de dezembro de 2007, um crescimento de 22,1%.

Neste mesmo período, o número de pessoas que acessam a internet de suas residências cresceu 14,5%, passando de 21,4 milhões de internautas para 24,5 milhões em dezembro de 2008. O melhor mês para a blogosfera brasileira em 2008, segundo o Ibope/Netratings, foi em novembro, quando 12,4 milhões de pessoas acessaram blogs. Na ocasião, o número representou 51% da base de internautas que navegam na web de suas casas.” Fonte: IDG Now

Enquanto de um lado temos produtos e e-commerces tendo que se adaptar à nova realidade dos mercados de nicho, do outro temos um público consumindo conteúdo cada vez mais segmentado. É como uma ponte entre essas duas demanas que surge a boo-box, exibindo campanhas e produtos segmentados de forma totalmente contextualizada.

A contextualização boo-box se sutenta sob três pilares: preferências do publisher, análise semântica do conteúdo e análise do perfil da audiência.

context

Análise Semântica do Conteúdo: A análise semântica de conteúdo foi desenvolvida em parceria com a Popego,  startup argentina que foi uma das finalistas no TechCrunch 50.  Através dessa análise nós categorizamos os sites da rede boo-box em segmentos pré-definidos, possibilitando que nosso sistema associe sites e campanhas automáticamente.

popego

Preferências do Publisher: Todas as tags associadas ao conteúdo e às vitrines podem ser alteradas pelo publisher a qualquer momento, que escolhe tanto os produtos que ele deseja que sejam exibidos, como bloqueia certas  tags. Fora isso os publishers na boo-box têm sempre a opção de deixar de participar de campanhas específicas, mesmo após serem associados a elas. Para isso basta clicar no botão “Sair da campanha” em seu painel.

boo

Análise do Perfil da Audiência: O terceiro e último pilar que apóia a contextualização boo-box é a análise de perfil da audiência, que se dá principalmente através de estudos de hábitos de navegação. Esse trabalho está sendo desenvolvido junto à Navegg.

navegg

A boo-box mantém um esforço contínuo de inovação com foco em uma melhor contextualização, que seja a mais assertiva possível, para que a publicidade realmente possa complementar  o conteúdo.

Comments (1)

#bolaobb – O primeiro bolão do Twitter

A boo-box lançou na quinta-feira passada (09/04/09) o #bolaobb, o primeiro bolão de futebol[bb]utilizando o Twitter \o/

Para participar é muito simples:

  1. Cadastre-se no AdBird. A ferramenta da boo-box no seu twitter;
  2. Twitte resultados para as semifinais do campeonato paulista usando o número do jogo e a tag #bolaobb *;
  3. Receba os resultados via AdBird.

Como nos dois primeiros jogos da semifinal ninguém acertou os resultados, as chances de ganhar continuam as mesmas, então participe!

Para o primeiro colocado o prêmio é um par de ingressos para a final do campeonato paulista, enquanto o segundo colocado ganha uma camisa do seu time.

É isso ae, os ninjas também gostam de futebol ;)

# Data Horário Local Times
1 11/04 18h10 Vila Belmiro Santos 2 x Palmeiras 1
2 12/04 16h Pacaembu Corinthians 2 x São Paulo1
3 18/04 18h10 Palestra Itália Palmeiras x Santos
4 19/04 16h Morumbi São Paulo x Corinthians


Deixe um comentário

Como foi a #booparty? Dá o play :)

Muito se tem falado sobre o lançamento do nosso Sistema de Publicidade para Mídias Sociais a #booparty, mas quem esteve presente sabe que só ouvir comentários não basta.
Para matar a curiosidade dos que não puderam estar presentes e para que a gente possa lembrar de como a boo-box iniciou essa sua nova fase, dá o play! :)

Comments (1)

#booparty – Um sucesso graças a vocês

Olá pessoal, agradecemos a todos os que puderam estar presentes durante a festa de lançamento do nosso Sistema de Publicidade para Mídias Sociais e a todos os que por algum motivo não puderam participar da festa mas que ficaram na torcida.

A festa foi um sucesso! De cara o iPod Battle animou todo o pessoal com a Dj Lalai no comando da batalha ninguém ficou parado. Entre músicas e berros Jeff Paiva foi o grande campeão da noite Rick Rolleando a galera enquanto o Vj Maki fazia sua performance de light graffiti.

Antes do Killer on The Dance Floor começar a tocar tivemos a apresentação do Marco Gomes falando sobre o nosso Sistema de Publicidade para Mídias Sociais.

Exibindo também o nosso vídeo conceitual.

A balada rolou por horas e a repercussão não poderia ter sido melhor.

Para quem quiser dar uma olhada nas fotos:

Vale lembrar que essa é só a primeira de muitas :)

Comments (2)

Trabalhando com a comunidade de desenvolvedores

A ferramenta boo-box nasceu da mistura de Web Services e APIs de e-commerces, links com códigos de afiliados em HTML, bibliotecas, frameworks e plugins em código livre[bb]. Sem essas ferramentas abertas nós não teríamos conseguido criar aplicações que têm ajudado mais de 1000 publicadores de conteúdo a ganhar mais (e melhor) com o que publicam na Web.

Em novembro de 2007 liberamos a boo-api, que permite que desenvolvedores usem nossa infraestrutura pra buscar ofertas em qualquer um dos e-commerces que temos integração, a intenção é devolvermos pra comunidade o conhecimento que adquirimos usando as ferramentas deles.

Além disso, o modo como criamos os boo-links é simples, desenvolvedores que não trabalham aqui conseguem programar ferramentas que criam links boo-box de maneiras que nós não pensamos. É o nosso jeito de criar uma comunidade de desenvolvedores em torno de nossa missão.

Com essas duas características: API aberta e modo facilitado de criação de links boo-box, alguns desenvolvedores criaram ferramentas de inserção de links boo-box e maneiras criativas de exibir ofertas.

Paulo Duarte criou Plugin WordPress Imagem Boo-Box e módulo Boo-Box para aLinks, Richard Barros criou Boo-Box it! Plugin de WordPress para monetização de blogs, GraveHeart criou o bootube, Pedro Menezes criou Boo-Boxifier, Manoel Netto criou pra uso próprio a primeira versão dos widgets, vários outros programadores continuam criando outras ferramentas pra uso da inteligência e infra-estrutura da boo-box.

Nós percebemos essas aplicações criadas proativamente e resolvemos absorvê-las em nossos projetos, olhamos os códigos-fonte, criamos novos recursos, alteramos algumas coisas e relançamos na forma de plugins de WordPress e boo-widgets.

É o ciclo do desenvolvimento (inteligente) pra Web[bb]: pegamos recursos abertos de programadores e e-commerces, criamos ferramentas que foram liberadas pros desenvolvedores, estes criaram novas ferramentas, que foram absorvidas por nós, alteradas e liberadas novamente.

Comments (1)