26 of agosto de 2011

Aprenda a usar as estatísticas de visitação para melhorar seu blog

Pimp your blog, Publishers Postado por

O estudo das estatísticas do seu blog pode dar um novo rumo ao conteúdo e ainda, se tomadas medidas corretivas, fazer com que seja mais acessado.

Manter um blog profissional, além de dedicação e estudo constante, requer principalmente mensurar o que é feito. É um ciclo interminável: divulgação, mensuração e modificação. E assim incessantemente. Claro, que depois de um tempo se aprende o que não funciona e a apostar em formatos mais adequados.

Ferramentas de medição de dados, como Google Analytics e StatCounter, conseguem mensurar praticamente tudo o que você precisar. De quantos visitantes únicos até definição de metas para campanhas.

Como medir estatísticas de seu blog

Antes de visualizarmos algumas métricas importantes, abra sua ferramenta de análise, pode ser qualquer uma, pois as que falaremos abaixo são medidas por todos.

Unique Visitors ou Visitas – quantas pessoas acessam o seu site.

É o dado mais básico que pode se obter, porém, não menos importante que outros. Representa o número de pessoas que visitaram o seu site em um determinado período. Usado para calcular a popularidade de um blog ou site, o número estando abaixo da média estipulada pode significar uma divulgação que não está surtindo efeito. É um índice que deve ser controlado num primeiro momento, diariamente e em segundo plano, mensalmente, pois pode-se obter informações de dias e horários mais visitados para adaptar sua agenda de postagens.

Dica: perceba que acima do painel de controle há uma opção chamada Segmentos Avançados, entre lá e escolha entre vários filtros quais lhe interessam saber. No gráfico abaixo foram escolhidos Visitantes Totais, Novos Visitantes e Visitantes que Retornaram. Podemos perceber que este site teve algo em torno de 20% de visitantes que retornaram e 80% de novas visitas. Isso pode significar que o site está bem otimizado para os mecanismos de buscas ou também que não está fidelizando seus leitores. Para chegar a uma conclusão precisa é necessário analisar outros fatores.

 

PageViews ou Visualizações de páginas – quantas URLs do seu site foram acessadas.

Não há um número exato para dizer quão boa é uma taxa de visualização de páginas. Claro, quanto mais o visitante acessar, melhor. Porém, nem sempre é fácil fazê-lo entrar em outros conteúdos.

Dica: pode ser uma boa ideia verificar o seu conteúdo. Procure pela Visão Geral do Conteúdo em seu Analytics, procure pelo Resumo da Navegação. Você conseguirá enxergar os posts, e respectivamente os assuntos que interessaram aquelas pessoas que visitaram mais de uma página, e adequar sua produção.

Bounce Rate ou Taxa de Rejeição – é a percentagem de pessoas que entraram em seu blog e saíram, sem entrar em nenhum outro conteúdo. Uma taxa de rejeição saudável gira em torno de 30 a 40%. Acima disso é indicativo que algo pode ser melhorado.

Dica: uma das saídas neste caso é analisar o conteúdo. Vá até o painel do seu Analytics, no menu lateral entre em Conteúdo, descubra os mais acessados e teste maneiras de dar destaque a eles, seja com plug-ins de postagens relacionadas ou um widget em destaque de posts mais lidos.

Vejamos abaixo algumas das ferramentas de análise mais utilizadas por profissionais de internet:

Google Analytics – Google Analytics é um serviço de estatísticas oferecido gratuitamente pelo Google. A partir do momento que ele está ativo no seu blog, você passa a ter informações diárias sobre seus visitantes: de onde vieram, quais matérias leram, tempo de permanência no site, qual navegador utilizam, entre muitos outros dados.

Importante: o código do Analytics deve ser colocado logo após o </head> para contar a visita sem a necessidade de carregar a página inteira. Isso diminui as diferenças entre outros sistemas de medição de audiência.

StatCounter – StatCounter rastreia em tempo real os visitantes que acessam o seu site. Ele auxilia na administração do conteúdo, ou seja, fornece dados que, se bem interpretados, permitem reestruturar seu conteúdo e/ou elementos no site. Algumas ações corretivas, mesmo que pareçam pequenas num primeiro momento, podem fazer com que seu número de visitantes aumente sensivelmente. Não muito diferente do Google Analytics, é uma boa opção para fazer o monitoramento e análise do seu conteúdo e campanhas.

Claro, existem inúmeros outros Web Analytics no mercado, cabe a você decidir qual é mais adequado. Porém, é bom sempre utilizar no mínimo dois serviços, pois o método de coleta de dados pode variar e você não ter um número preciso para análise em mãos.

  1. J. Guimarães | agosto 27, 2011 @ 12:11 - Responder

    Muito boas essas dicas postadas aqui.

    Vou verificar o comportamento do meu blog quanto ao recebimento de visitas.

    Pois, não costumo fazer isso.

  2. Malu Silva | fevereiro 8, 2016 @ 16:46 - Responder

    Gostaria de saber como melhorar o meu publico alvo!!
    minha visitas variam muito!

    • Bárbara Oliveira | fevereiro 10, 2016 @ 16:28 - Responder

      Oi, Malu! Tudo bem?

      Esse é um tópico bem relativo, pois depende se a flutuação de público ocorre sazonalmente ou se é com mais frequência.

      Mas, de modo geral, se isso ocorre, é porque os posts de seu site não são direcionados a um público específico e, sim, algo mais abrangente. Vamos supor que você possua um site de Moda/Beleza e tenha foco em mulheres. Se você fala de moda de modo geral, para ambos os sexos, há chances de homens também acessarem o seu site.

      Como o seu desejo é afunilar mais a sua audiência, você deve pensar na produção de conteúdo de forma mais direcionada, que cite pautas consumidas por quem você quer atingir. Além disso, o layout do site também ajuda bastante na seleção de público.

      Qualquer coisa, é só nos chamar!
      Beijos!