16 of outubro de 2009

Relevância e conteúdo de nicho

Pimp your blog, Publishers Postado por

Quando o assunto é produção de conteúdo, blogs e mídias sociais em geral, a palavra-chave é relevância:

relevância
re.le.vân.cia
sf (relevar1+ância) 1 Qualidade de relevante. 2 Importância. 3 Vantagem.

Quando falamos de relevância para publishers, muitos já pensam em meritocracia (outra palavra-chave), pensam no destaque que um ou outro problogger conquistou e aparições em TV e revistas servem para atestar o mérito. O que pouco se fala é do conteúdo relevante, que é o foco desse post, afinal de contas, nenhum publisher conseguiu destaque sem antes publicar um conteúdo altamente relevante.

O conteúdo não precisa ser lido por milhares ou ser escrito para um público mais do que seleto para ser relevante, mas ele precisa dizer a que veio.

Algo que percebemos diariamente aqui na boo-box é a grande quantidade de blogs e sites generalistas. Sites que abordam de política a culinária, passando por carros e moda, a escolha por esse tipo de abordagem não é depreciativa. Mas, quando falamos de um publisher e não de uma equipe trabalhando na produção desse conteúdo, a abordagem de nicho é muito mais eficiente e possui um maior potencial de se tornar relevante.

“Nichos de mercado são segmentos ou públicos cujas necessidades particulares são pouco exploradas ou inexistentes. A estratégia de aproveitamento de nichos está  justamente na identificação das bases de segmentação que, quando explorados, representam o diferencial ou vantagem competitiva à empresa.”

http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicho_de_mercado

A produção de conteúdo para nichos é um tema constantemente abordado por metablogs. Segue uma lista de posts que tratam desse assunto:

Português:

http://www.brainstorm9.com.br/2009/10/03/este-senhor-grisalho-ganha-us-1-5-milhao-e-meio-por-ano-com-podcasts
http://www.bloglucrativo.com.br/nichos/fazer-blog-para-nichos-lucrativos.html
http://blosque.com/2007/10/nicho-no-blog-de-uma-nota-s-terceira.html
http://www.bloglucrativo.com.br/estrategias/criando-um-rebanho-de-blogs-de-nicho.html
http://dinheirooportunidade.com/index.php/importancia-blog-ter-nicho
http://www.renda-extra-online.com/marketing-na-internet/networking-no-nicho-do-seu-blog-7-dicas-essenciais-para-blogueiros
http://escritatorta.em.blog.br/archives/como-expandir-o-publico-de-seu-nicho

Inglês:

http://www.doshdosh.com/an-introduction-to-niche-blogging
http://www.doshdosh.com/how-to-choose-the-right-blog-niche-a-simple-three-step-method
http://www.problogger.net/archives/2009/03/01/how-to-develop-a-niche-blog-content-plan
http://www.problogger.net/archives/2008/02/27/pros-and-cons-of-niche-blogging
http://mixergy.com/twit-leo-laporte-geeks

Os textos acima abordam a idéia da produção de conteúdo para nichos de diferentes segmentos, mas o que eu sinto que fica um pouco nebuloso é a escolha do segmento de conteúdo no qual você deve trabalhar, que sem dúvida é um dos pontos fundamentais.

O que deve ser levado em conta ao escolhermos o nicho em que iremos trabalhar, são os assuntos que geram interesse para cada um de nós. Seria perfeito se antes de começarmos a produzir conteúdo, fizéssemos algumas perguntas básicas:

* Quais os assuntos que realmente me interessam? Sobre o que eu gosto de ler, de aprender e de escrever?

* Em que comunidades/ fóruns eu tenho participação ativa, enviando mensagens e discutindo sobre o tema em questão?

Se você tem a resposta para essas pergunta a única questão que pode restar é: vale a pena?

Acima de tudo, eu diria sem dúvida alguma que sim. Aqui na boo-box temos testemunhado a pulverização da publicidade e da oferta de produtos acontecer de forma bastante rápida gerando receita suficiente para sustentar as iniciativas de blogs de nichos, um cenário que só tem ficado a cada dia mais atrativo.

RT @crisdias: RT@LeoLaporte: “Fale para a sua comunidade. Você não precisa atrair mais gente para seu público, ele já existe, você só precisa fazer com que ele descubra quem você é.”

http://www.brainstorm9.com.br/2009/10/03/este-senhor-grisalho-ganha-us-1-5-milhao-e-meio-por-ano-com-podcasts
http://www.crisdias.com/2009/10/03/este-senhor-grisalho-ganha-us-1-5-milhao-e-meio-por-ano-com-podcasts-brainstorm-9

 

  1. Caio Costa | outubro 17, 2009 @ 11:58 - Responder

    É algo que sempre tenho em mente com o meu blog, ser focado totalmente sobre publicidade. Sempre recebo elogios dos leitores por ter essa postura e ser uma fonte tanto para universitários quanto para profissionais.

    Estou pensando seriamente em colocar o link deste post no meu media kit. Ótimos argumentos.