16 of agosto de 2012

Saiba qual servidor é o melhor para seu blog

Pimp your blog, Publishers Postado por

Escolher um bom servidor para seu blog, que una estabilidade e bom preço, pode ser uma tarefa complicada para quem entende pouco do assunto e não conhece as diferenças entre os serviços oferecidos. Conheça um pouco mais sobre os diferentes tipos de servidor e escolha o melhor para o seu blog.

Servidor compartilhado, VPS ou dedicado? Vale a pena pagar um servidor somente para você? Ou é melhor aproveitar uma promoção e gastar pouco no começo? Muitos blogueiros acabam escolhendo mal o servidor onde ficará instalado o blog, e acabam contratando ou um serviço ruim que fica fora do ar todos os dias, ou pagam uma fortuna por uma máquina que só será realmente útil qundo o servidor já estiver com milhões de visitas diárias.

 

Pensando nisso, resolvemos explicar um pouco as principais modalidades de servidores, com suas principais vantagens e desvantagens. O intuito não é dizer qual o melhor ou pior, mas sim mostrar as opções para que você faça a melhor escolha para seu blog e seu bolso.

Servidores compartilhados

É o modelo mais barato de hospedagem, e por isso mesmo, o que possui menos recursos. Basicamente, você contrata um “espaço” em um servidor, e nesse sevidor vários outros sites também ficam hospedados. Ou seja, todos os recursos, como CPU, memória e rede ficam divididos entre todos os sites alocados naquele servidor.

A vantagem de uma hospedagem é o preço baixo, sendo bem mais barato que as outras que veremos adiante. A desvantagem é que os recursos disponíveis serão reduzidos, deixando seu blog lento ou fazendo ele cair às vezes. Na verdade, dependendo da hospedagem, pode até acontecer do controle de recursos não ser compartilhado corretamente, com um site consumindo todos os recursos e te deixando na mão.

Virtual Private Server – VPS

Trata-se de um “servidor virtual”, uma máquina dentro de outra máquina, configurada somente para você, e com recursos de CPU, memória e acesso bem definidos. Como se trata de um servidor virtual, sua VPS também fica hospedada no mesmo servidor físico, com outras VPS.

E qual a diferença entre o compartilhado e a VPS, se ambos dividem um servidor para vários usuários? No caso da VPS, os recursos definidos são seus, e apenas seus. É como se você tivesse sua própria máquina, para usar como quiser. Ou seja, não há risco de um outro site consumir toda a máquina e seu site cair.

A vantagem do VPS é justamente o servidor mais “poderoso” disponível para seu blog, sem necessariamente custar uma fortuna. Além disso, se você sentir que a velocidade não está muito boa ou o acesso poderia ser mais rápido, existe a possibilidade de alterar alguns parâmetros do servidor virtual, melhorando a quantidade de memória, espaço em disco e processador destinados a você. A desvantagem é que muitos serviços de hospedagem consideram que a configuração da VPS, desde a instalação dos programas mais básicos até a manutenção, é responsabilidade sua. Ou seja, se você não tiver alguém que possa lhe ajudar nessa parte, é bom escolher um serviço de hospedagem mais amigável.

Servidores dedicados

Para sites que vão receber muitos acessos, existe mais uma opção: servidores dedicados. Nesse caso, estamos falando realmente de um servidor físico, montado e configurado apenas para você, mas localizado em um datacenter. Nesse caso, você tem em mãos um servidor com muitos recursos, exclusivo para seu blog. Na verdade, se você quiser, pode até aproveitar e configurar outros blogs e projetos nesse mesmo servidor. Ele é seu, você faz o que quiser com ele. :)

A vantagem óbvia de um servidor dedicado é que com ele devidamente configurado você consegue manter um blog com muitos acessos, na casa dos milhões, diariamente, com folga. A desvantagem, além do custo ser um pouco alto para quem está começando, é que assim como no VPS a configuração e manutenção do servidor fica nas suas mãos, e pode ser necessário contratar alguém para cuidar apenas disso. Alguns serviços de hospedagem ainda oferecem suporte para servidores dedicados, mas quase sempre se resume a reiniciar o computador ou reinstalar o sistema básico.

Amazon Web Services – AWS

Fugindo um pouco desses três modelos, temos também o Amazon Web Services, um serviço um pouco diferente de hospedagem, baseado na computação em nuvens. No AWS você pode usar diversos recursos, como hospedagem de banco de dados, de arquivos, e até mesmo do seu blog, com custos bem variáveis, e podendo mudar o limite de recursos ( e o preço a se pagar ) com poucos cliques.

Com o AWS você tem todos os recursos de hospedagem da Amazon em suas mãos (e com isso é possível criar ambientes realmente poderosos para hospedar seu blog), com um custo que pode ser moldado, conforme o seu blog cresce. A principal desvantagem é que no AWS você também sofrerá da falta de suporte, precisando pedir para que alguém configure o servidor, caso você não saiba como fazer.

Todas as alternativas acima podem servir para o seu blog, desde que você entenda que para manter um blog com milhares de visitas no ar é necessário abrir um pouco o bolso. Em qualquer caso, evite sempre promoções com preços muito baixos ou prometendo recursos foram do comum, e sempre peça a ajuda e opinião de amigos e conhecidos antes de decidir qual servidor usar.

  1. Everson Azevedo | setembro 13, 2012 @ 19:46 - Responder

    Uma boa ideia para quem ta começando alguns blogs e não tem condições ou não quer gastar muito é:
    Contratar um serviço de hospedagem compartilhada barato. O preço varia muito. Tem de 4.90 até 29,90, as vezes ate mais caro ou barato. Mas a pessoa contrata um desses enquanto está montando os blogs e escrevendo os artigos.
    Com uma só hospedagem a pessoa pode acrescentar domínios suplementares no Cpanel e dá pra hospedar outros domínios nela.
    Depois que as visitas virem, a pessoa migra eles para um melhor.

  2. IDCbr - Servidores dedicados | outubro 4, 2012 @ 11:51 - Responder

    I’m not sure where you are getting your information, however great topic. I needs to spend some time learning more or understanding more. Thanks for fantastic info I used to be searching for this info for my mission.

  3. Rodrigo Dal Magro | fevereiro 15, 2013 @ 8:09 - Responder

    Concordo com o Everson.
    Inclusive existem soluções bem interessantes específicas para wordpress, compartilhadas, cloud ou até mesmo dedicadas.
    Realmente vai do tamanho do blog e da verba disponível para investimento.